terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Make me believe =)



Fazes-me sentir o sangue quente correr nas veias,
quando fecho os olhos, consigo sentir o sol aquecer-me a pele,
sinto a tua presença constantemente, estás-me no pensamento,
quando caminho, não receio o solo que piso,
onde deixo marcadas as minhas pegadas,
a tinta de mim que pinto em ti,
onde desenho o quadro da vida,
aquela que fazes brilhar,
e como um foguete subo num rasto brilhante,
onde depois de abrir o cofre do peito,
se liberta o meu fogo de artifício.

Há estrelas que cintilam lá no alto,
Tu, fazes-me brilhar cá no fundo,
no abismo de um sentimento,
aquele que eu próprio enterrei,
enterrei com as amarguras do passado.

A pouco e pouco,
foste retirando a terra que o cobria,
em cada palavra meiga e honesta,
nas quais acreditei solenemente,
acreditei na vontade que as ditavas,
e o quanto as marcavas em mim.
Incrivelmente cada palavra,

me faz bem, me faz sorrir,
um sorriso magnifico, que me alegra a alma,
e o carinho que me dás nas tuas palavras,
que de mim cuidam, quando amarguro.
A genuina sintonia de pensamentos, palavras, gostos, momentos,
que nos deixa escandalosamente sem palavras,
e nessa ausência de palavras,
se desenha um sorriso.

Aquele sorriso com que tiras mais um pouco,
mais um pouco da terra que me cobre a alma.

Descobre o que a terra escondeu estes tempos.


Because when you're around, everything just feels right =)

1 comentário:

Andreia disse...

Existem pessoas que substituem tudo à nossa volta.
Apaixonei.me pela música.